Home / Brasil / Chacinas nas penitenciárias refletem a ideologia da violência e a política de ódio da direita

Chacinas nas penitenciárias refletem a ideologia da violência e a política de ódio da direita

Golpistas se utilizaram da violência e promovem a escalada da violência. Esse é o resumo do tratamento que que a direita vem dando às causas das chacinas no sistema penitenciário brasileiro. Desde a declaração do ex-secretário da Juventude do governo golpista, Bruno Júlio, até a provocação do governador do Amazonas, José Melo, dizendo que entre os presidiários não existem santos. Não existem santos também entre a turma de José Melo, os golpistas que empestearam a atmosfera brasileira com a política do ódio para dar consequência à ideologia da violência.

Sobre outrolado

Notícias Relacionadas

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicadoCampos obrigatórios estão marcados *

*